pßgina inicial
nossos produtos
espašo mulher
espašo crianša
cartŃo virtual
papel de parede
receitas
saiba mais sobre o aš˙car
fale conosco
nossa empresa
 

Superstições e simpatias no Ano Novo


 
 

Final de ano é uma época em que vêm à tona o desejo de renovação, os planos e promessas. E a virada para o Ano Novo revela um cenário místico, que povoa o imaginário popular. Vai dizer que nunca botou fé numa simpatia – por mais que fosse de “brincadeira” – ou deixou de fazer algo por superstição? Por mais que se estabeleça uma relação com fatos fortuitos ou crendices, é na entrada do Ano Novo que as pessoas mais se agarram aos sonhos, na expectativa de uma vida melhor.
 
Uma boa receita para começar da melhor forma é estar ao lado de quem se quer bem, projetar os melhores desejos e apostar nas mudanças. Sonhar às vezes faz bem. E aquela simpatia a gente confere depois: se deu certo ou não, o que vale é o pensamento em coisas boas, em energias positivas.

Tem quem tome banho com champanhe e pétalas de rosas vermelhas para resolver coisas do amor; ou pule sete ondas para fazer pedidos ou tome banho de sal grosso para proteger o corpo contra o mal. E tem os que jamais comerão peru ou frango, pois ciscam para trás - isso pode não ser uma boa metáfora para o ano que está por vir.

Várias comidas têm significados populares no Ano Novo. O porco simboliza a prosperidade; o peixe, a boa sorte, a purificação, a fecundidade e a abundância; o carneiro, a vitalidade. Tem ainda as frutas – além de obrigatórias no cardápio, algumas são carregadas de simbologias. As sementes de romã, uva e maçã são sinônimos de abundância. O arroz, por sua vez, representa a divindade e pode trazer riqueza, abundância e fertilidade. E não podemos esquecer da lentilha, que dizem atrair riqueza.

E aquela peça de roupa nova? Pode mesmo trazer sorte e alegria? A maioria - até mesmo quem diz não ser supersticioso - só veste branco no reveillon. Dizem que não é bom passar o Ano Novo com os bolsos vazios. Mas é legal guardar escondido a rolha da garrafa de champanhe do reveillon – isso chama dinheiro. Aproveite o 6 de janeiro (Dia de Reis) e guarde três sementes de romã na carteira para ter dinheiro durante o ano.

Dizem que dar três pulinhos com uma taça de champanhe na mão, sem derramar uma gota, e depois jogar o resto para trás, sem olhar, de uma vez só, é bom para deixar para trás tudo de ruim. Também dizem que se você acender velas na praia ou jogar rosas na água, terá de Iemanjá saúde, amor e dinheiro. Dizem ainda que fazer barulho à meia-noite é uma forma de afugentar os maus espíritos. Então, que soltem fogos, toquem música e cantem muito. E que venha a realização dos desejos e sonhos.

Mais algumas simpatias...

Para ter sorte: Na passagem do ano, use roupas novas, pois atraem novidades. À meia-noite do dia 31, morda uma maçã bem vermelha (sucesso) e mentalize tudo de bom que deseja conquistar. Segure uma taça de champanhe com a mão esquerda, tome sete goles e jogue o restante do líquido para trás, de uma só vez, por cima do ombro direito.
Fartura: Antes da meia-noite, coma um prato de lentilhas cozidas e bem temperadas, de preferência com bastante alho. Depois, beba três goles de vinho. À meia-noite, pegue um punhado de lentilhas secas – não cozidas – e jogue para cima, dizendo: “que no ano novo não me falte nada, pelo contrário, que tudo venha com muita fartura!”.
Amor: Para garantir que uma nova pessoa vá entrar na sua vida, à meia-noite abrace alguém do sexo oposto.
Dinheiro: Às 23h30 do dia 31, coma cinco uvas e guarde as sementes na carteira (embrulhe num papel). Faça pensamento positivo de que terá dinheiro suficiente para satisfazer seus desejos. No final do próximo ano, jogue as sementes em água corrente.

Simpatias sugeridas por Eristela Welly, terapeuta naturalista

 

 

Leia também:
Trabalhar em casa
O ano que se inicia
Maquiagem básica
Cuidados com as mãos
Comportamento: Elas e a Copa do Mundo
Trabalho e casa: quando chega a hora da segunda jornada
Cabelos em dia
Cuide da pele e dos cabelos

Cuidado com a pele no verão

. espaço mulher .